Quando completamos 50 anos, algumas mudanças importantes acontecem. O corpo não é o mesmo de 20 anos atrás – e os cuidados devem ser redobrados. Esse processo fisiológico do envelhecimento também afeta a beleza feminina, deixando a pele mais seca, os cabelos frágeis, as unhas quebradiças. Mas quem disse que a partir dessa idade não existem cuidados para minimizar e prevenir a piora desses aspectos?

A alimentação, como sempre, está em primeiro lugar quando o assunto é beleza e longevidade. Uma dieta leve, equilibrada e rica em frutas, legumes, proteínas de alto valor biológico e gorduras boas conta pontos positivos. Os nutrientes que não podem faltar diariamente são:

Vitamina B12. Auxilia na produção de glóbulos vermelhos, na síntese de DNA e na manutenção da saúde do coração e sistema nervoso.

Vitamina B6. Mantém os níveis de energia e também é aliada do coração.

Cálcio. Como nesse período as mulheres sofrem com a queda do estrogênio (hormônio que preserva e promove a saúde óssea), é preciso aumentar o consumo desse mineral.

Vitaminas e minerais antioxidantes (vitaminas C, A e E, selênio e zinco). Diminuem a ação dos radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce.

Além de incluir esses nutrientes na dieta, outra dica interessante é suplementar a presença do colágeno hidrolisado no organismo. Como contamos aqui, alguns estudos apontam que, após os 30 anos, a produção dessa proteína cai – e ela é importante na manutenção da firmeza, elasticidade e hidratação da pele, além de auxiliar nos cuidados dos cabelos e unhas.

Aliado às dicas acima, não deixe de praticar esportes e beber água regularmente. Com essas dicas é possível aproveitar os 50 anos como um período inesquecível (e belo) da sua vida.